Pó descolorante: quais os tipos e intensidades?

2018-03-05T20:50:57+00:00 01/03/2018|0 Comentários

O pó descolorante é um produto necessário em vários processos de transformação de cor e mechas. Entretanto, não existe apenas um tipo. Há no mercado uma variedade de marcas, fórmulas e intensidades de descolorantes. Você sabe qual é o melhor pó descolorante para cada caso? Descubra!

Quais são os tipos de pó descolorante?

Basicamente, há dois tipos:

  • Sem amônio: costumam ser mais limitados na oxidação, clareando menos os cabelos. Não devem ser usados simultaneamente com a coloração, ou seja, um cabelo jamais deve ser descolorido com esse tipo de pó descolorante ao mesmo tempo em que age sobre ele uma coloração. Caso contrário pode haver interação entre os agentes químicos envolvidos e causar graves reações.
  • Com amônio: agem com mais intensidade, apresentando maior poder de clareamento da fibra capilar. Têm mais afinidade com as colorações oxidativas, podendo ser usados ao mesmo tempo que elas. Entretanto, costumam ser mais agressivos para os fios e, muitas vezes, não podem ser usados em cabelos que já tenham algum tipo de química, sob risco de quebra ou emborrachamento.

Qual pó descolorante devo escolher?

Para saber qual é o produto ideal para o serviço que deseja realizar é necessário fazer primeiro um bom diagnóstico dos fios e pensar na melhor forma de executar exatamente aquilo que o cliente quer.

Se o objetivo for pouco clareamento e não for usada uma coloração ao mesmo tempo em que o cabelo é descolorido, é mais indicado usar o pó sem amônio, uma vez que ele é menos agressivo para a fibra capilar. Assim, é possível preservar ao máximo a saúde dos fios e ainda entregar ao cliente um cabelo mais claro.

Mas se desejar um clareamento intenso ou se precisar usar o pó descolorante aliado a uma coloração, o ideal é usar o descolorante com amônio.  Nesse caso, o cuidado deve ser redobrado, pois esse produto age clareando intensamente a fibra capilar, podendo causar graves danos.

O que pode influenciar na força do pó descolorante?

A resposta para essa pergunta é simples e você já conhece: é o oxidante!

É a volumagem do oxidante que define quanto oxigênio será liberado no processo de descoloração.

E é a ação do oxigênio que clareia a fibra capilar, portanto, quanto maior a volumagem do oxidante, maior a liberação de oxigênio e maior o clareamento do cabelo.

Geralmente, no mercado encontramos três concentrações de oxidantes diferentes: 20, 30 e 40 volumes. Os oxidantes também podem ser classificados, respectivamente, em porcentagens: 6%, 9% e 12%.

Qual volumagem de oxidante devo usar?

  • 20 volumes

O oxidante de 20 volumes é mais usado associado a colorações, sendo a opção ideal para cobertura de brancos. Entretanto, também pode ser usado para descolorações.

Geralmente, o oxidante de 20 volumes associado ao pó descolorante pode clarear até dois tons, partindo de uma base 4, e até um tom, partindo de bases mais escuras. É ideal para os casos em que o cliente deseja um clareamento sutil.

  • 30 volumes

O oxidante de 30 volumes clareia até três tons a partir de uma base 4, e até dois tons se a base for mais escura. É a volumagem ideal para mechas e descolorações globais quando os fios estão saudáveis.

  • 40 volumes

Deve ser usado com bastante cautela, pois, apesar de ter alto poder de clareamento, também pode ser muito agressivo para os fios. O oxidante de 40 volumes é mais usado com colorações superclareadoras, e é capaz de clarear até quatro tons a partir de uma base 5.

O que mais preciso saber para fazer uma descoloração perfeita?

Mais importante do que escolher os produtos e avaliar o grau de clareamento que o cliente deseja, é verificar se os fios terão resistência suficiente para passar pela descoloração com saúde.

Pouco adianta ter fios com a cor perfeita se eles estiverem fracos e emborrachados. Por isso, antes de descolorir faça um diagnóstico detalhado e entenda todos os processos pelos quais aquele cabelo já passou. Assim, você poderá avaliar se os fios resistirão.

Saiba também que mesmo o diagnóstico mais preciso não dispensa um teste de mechas, que é obrigatório em todo processo químico.

Por fim, não se esqueça de acompanhar a descoloração com cuidado, verificando de tempos em tempos se os fios já chegaram à cor desejada. Lembre-se de levar em consideração que a temperatura do ambiente também pode influenciar nesse processo.

Os pós descolorantes da Bellkey

A Bellkey conta com dois pós descolorantes:

  • Blond light: clareia intensamente os fios e conta com ativos que protegem a estrutura da fibra capilar, evitando o ressecamento e a quebra. Pode ser usado em cabelos coloridos ou quimicamente tratados e também permite trabalhar simultaneamente com coloração. Dessa forma o profissional pode criar o efeito de transparência de cor.
  • Ultra Blond: age rapidamente sobre a fibra capilar provocando clareamento intenso. É mais recomendado para cabelos resistentes ou naturais.

Com essas informações, você está preparado para fazer descolorações seguras e eficientes em seu salão. Priorize sempre a saúde da fibra capilar e use produtos de qualidade para que o processo saia exatamente como foi planejado por você e seu cliente.

Faça o Download grátis aqui!

Prencha o formulário abaixo para receber o material diretamente em seu e-mail.

Faça o Download grátis aqui!

Prencha o formulário abaixo para receber o material diretamente em seu e-mail.