O visagismo é a arte de criar uma imagem pessoal de acordo com a característica de cada pessoa, como tom de pele, formato do rosto ou cor dos olhos. Fazendo uma harmonização entre esses fatores é possível descobrir, por exemplo, a cor de cabelo ideal para cada tom de pele e o corte específico para cada formato de rosto.

Dominar o conceito de visagismo é um grande diferencial para um bom cabeleireiro, visto que trabalham com a imagem visual de seus clientes. Ao conseguir fazer essa harmonização é possível compor um look baseado no desejo do (a) cliente. Cada vez mais é necessário que o cabeleireiro use a linguagem visual na construção de uma imagem pessoal que seja condizente com a personalidade de cada um.

Como usar o visagismo no salão de beleza?

Antes de tudo, é necessário uma boa dose de empatia! No primeiro contato com a cliente deve-se ter uma conversa sincera e desprendida, visando não apenas saber o seu desejo, mas buscar o conceito da sua auto imagem.

Munido dessas informações o profissional poderá criar um estilo personalizado para a cliente e se a tendência de moda se enquadra no perfil da cliente poderá ser usado. É muito importante que o cabeleireiro tenha habilidade para fazer a cliente se expressar, da forma mais clara possível, qual conceito de imagem que ela tem de si.


Saiba mais:


Sabemos que é comum as pessoas chegarem a um salão de beleza com desejo de fazer um corte ou coloração que viram em uma revista ou em uma pessoa famosa porém, muitas vezes, o resultado é decepcionante porque a escolha não levou em conta fatores importante, como formato do rosto, cor da pele, feições e também a personalidade e atividade profissional.

Conforme o maior estudioso do visagismo do Brasil, Philip Hallawell, há 9 formatos de rosto que representam diferentes características: rosto redondo e oval, rosto retangular ou quadrado, rosto triangular invertido ou losangular, rosto hexagonal de base reta e rosto triangular.

O estudo também analisa as feições que são divididas em 3 partes e correspondem a traços da personalidade: traço superior, da sobrancelha para cima, onde se analisa o intelecto; traço médio, entre as sobrancelhas e a ponta do nariz, onde o olho é a área da emoção e o nariz da ação; e inferior, do nariz até o queixo, onde a boca representa a expressão e a comunicação, e o queixo a vontade.


Confira a vídeo aula online:


O visagismo  tem uma importância enorme porque a cliente se sente valorizada ao receber uma análise cuidadosa, customizada e exclusiva o que irá refletir no sucesso e satisfação do trabalho realizado.

Então, fica essa dica importantíssima! Seja um cabeleireiro visagista, entre nesse mundo e seja mestre em ajudar as clientes a se olharem no espelho e se sentirem plenas e radiantes!

Até a próxima!